Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sexoconvivio

Este Blog contém relatos de encontros de sexo pago vivenciados pelo autor do mesmo.



Este Blog destina-se á publicação, sob a forma escrita, de alguns relatos baseados em encontros de sexo pago vivenciados pelo autor do mesmo. É proibida a cópia e/ou reprodução total ou parcial do conteúdo do Blog sem autorização escrita do seu autor. Aconselho a que menores de idade se abstenham da leitura dos relatos aqui postados. Utilize a pesquisa deste Blog para procurar um número de telemóvel, nome, localidade, etc. de forma mais rápida. Boas leituras e deixe o seu comentário se assim o desejar.

Sábado, 28.09.13

916329056

Dia 15-09-2013, estou novamente a passar os olhos pelos anúncios de convívio do Correio da Manhã em busca de um encontro de sexo pago. Depois de alguns contactos decido-me por este: 40ANOS MEIGA DESINIBIDA ATENDE CAVALHEIROS S/PRESSAS, 916329056. O primeiro contacto telefónico foi atendido rapidamente e, numa voz com leve pronúncia brasileira, deu como referência um determinado número situado na Rua José Ricardo perto do mercado de arroios. Os valores são; 15€ para convívio normal e 25€ para convívio completo, estando disponível das 9 às 20 horas. Sigo para Arroios onde após alguma procura, lá consegui encontrar estacionamento perto da referência dada. Faço novo telefonema para saber o resto da morada mas, sou apenas informado que me devo dirigir para o número que me havia sido dado no primeiro contacto e depois voltar a ligar. Sigo as instruções, ao chegar a porta do prédio ligo novamente e recebo novas instruções: tocar á campainha de um andar específico para que ela saiba que eu estou mesmo á porta e de seguida abre-a.

 

Embora o prédio tenha elevador, subo pelas escadas até ao apartamento que já estava com a porta aberta quando lá cheguei. Entro e encontro por detrás da porta uma brasileira de pele branca que ao falar tem uma pronúncia mais portuguesa que brasileira. Apresentou-se vestindo uma blusa sem mangas de cor preta, mini-saia azul e salto alto. Diz chamar-se Cristina, aparenta ter entre 40 a 45 anos de idade, cerca de 1,60 m de altura, a julgar pelo seu aspeto redondo dirias que tem uns 70kg de peso, cabelos castanhos-claros, a sua cara é rechonchuda e os seus olhos são claros. No meio de conversa de circunstância, seguimos em direção ao quarto e pude apurar que o apartamento tem um aspeto arrumado e que existem mais profissionais do sexo a atender por lá. Já no quarto, pude constatar que este se encontrava bem iluminado, e continha uma cama de casal onde já estava o lençol de trabalho, um roupeiro que entre outras coisas tinha em cima dele uma ventoinha em funcionamento, duas cadeiras e duas comodas. Fui-me despindo, e estando eu já todo nu perguntei á Cristina se podia ir á casa de banho ao que ela diz: Vamos lavar! Abriu uma gaveta e tirou uma toalha lava que me entregou, fomos para a casa de banho onde ela fez questão de me lavar o tolinhas, lavando-se a ela mesma de seguida. Fiquei surpreendido com a vontade que ela demonstrou.  Encontrei as instalações limpas e sem cheiros, tendo apenas a salientar as suas reduzidas dimensões.

 

De volta ao quarto deito-me na cama, a Cristina ia mantendo uma conversa amena tentando criar um ambiente agradável enquanto acabava de se despir. Fui reparando que o excesso de gordura do seu corpo dá-lhe uma barriga saliente, que o seu rabo é pequeno e a sua vagina é peluda. Não notei a existência de tatuagens, piercings ou cicatrizes. Ela baixa-se e agarra uma pequena bolsa que estava ao lado da cama, abre-a e retira preservativos e lubrificante que iriamos utilizar no convívio. Embora não sendo usual, já não é a primeira vez que encontro uma profissional do sexo com uma pastinha individual onde coloca os seus utensílios. A Cristina junta-se a mim na cama e sem demoras iniciou um oral ao natural com boa sucção mas onde faltou um pouco de profundidade. Ainda assim, achei-o razoável até porque não se esqueceu do mastro nem dos gémeos. Algum tempo depois coloca a gabardine ao tolinhas dá mais umas chupadelas e vem para cima de mim dando início ao vaginal na posição de cowgirl, para depois passar-mos á posição de missionário e mais algumas outras posições sempre com ela deitada. Curioso foi o facto de ela voltar a chupar o tolinhas sempre que mudávamos de posição. A dada altura sentia que o tolinhas estava a chegar perto do fim sugeri á Cristina que terminássemos com anal. Mais uma vez deparei-me com mau profissionalismo, pois recebi como resposta: É ruim hein? Você com essa picha grossa, má nem que me pagasse mil euros. Ok, já que não quis fazer anal ao menos que terminássemos com vaginal em doggy style. Ela acedeu e assim prosseguimos até que o tolinhas entregou o seu leitinho na gabardine.

 

Com algumas toalhitas a Cristina retira a gabardine ao tolinhas e convida-me a ir novamente á casa de banho para nos lavarmos. Assim foi, novamente ela fez questão de lavar o tolinhas, lavando-se de seguida. Voltamos para quarto, enquanto me vestia a Cristina arrumava os produtos de higiene pessoal e restante utensílios na sua bolsa, fomos mantendo conversa de circunstância e onde as dimensões do tolinhas vieram á tona, dando assim tempo para que ela arrumasse o quarto e se vestisse. Paguei antes de sair do quarto sem que ela mo tivesse pedido, sendo depois acompanhado até á porta onde nos despedimos com um, até á próxima.

 

Conclusão: Embora este encontro tenha iniciado com um oral razoável que sem dúvida é o ponto forte da Cristina, o desempenho geral foi mediano. O aspeto físico que para mim é pouco apelativo, o vaginal mediano, fazem com que este encontro tenha sido mais um sem grande história para contar ou que me faça repeti-lo. Tendo em conta que ao telefone não colocou nenhumas objeções á realização de convívio completo e foi só na cama que manifestou o seu mau profissionalismo recusando-se a fazer anal devido ao tamanho do tolinhas, posso garantir que este encontro não se repetirá enquanto a minha memória se recordar deste episódio. Ainda assim é de salientar a boa atitude relativamente á higiene pessoal tanto minha como dela, bem como a disponibilização de toalhas limpas para nos secarmos. Ficou ainda uma dúvida; será que o oral, repetido sempre que mudávamos de posição, se deveu a genuína vontade de o fazer ou á vontade de me despachar de forma a evitar ter de me dizer não ao convívio completo?

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Ninor às 08:08

Tal como está escrito na primeira linha a azul no topo deste blog, o mesmo serve para publicação, sob a forma escrita, de alguns relatos baseados em encontros de sexo pago vivenciados pelo autor do mesmo. Não permitirei que este blog seja uma plataforma publicitária, por isso quem quiser publicitar o que quer que seja no espaço para comentários deste blog, verá os seus intentos frustrados tão cedo quanto me for possível. Procurem outro local ou concebam o vosso próprio espaço publicitário.


3 comentários

De maria.madalena a 15.10.2013 às 11:34

é de lamentar pessoas ditas "normais" como este sr, que vem para aqui expor o ridículo e fazer disso uma festa.
deves ter o conta-quilómetros nos cornos, devias era apanhar um travesty que comesse esse cú todo até parares ás urgências de s.josé, ias mais consolado e paravas de escrever sobre as que infelizmente, têm que fazer estas figuras muitas vezes para comer. és português e chega. não prestas como a maioria dos homens portugueses. bem-dita são as mulheres que fazem de vocês todos uns otários.

De Anónimo a 03.04.2014 às 01:42

DEVES SER UMA PUTA RESSABIADA QUE QUANDO ARROTAS PARECES A SUCURSAL DA MIMOSA.
O HOMEM TÁ A FAZER 1 EXCELENTE TRABALHO, É DE LOUVAR ESTE BLOG. ESTE GRANDE SENHOR É UM EXCELENTE CRÍTICO E É UMA ESPÉCIE DE ORIENTADOR POIS SE VOCÊS MULHERES FOSSEM COMO DEVE SER NA CAMA NÃO HAVIA PUTAS DE CONVÍVIO. E TU DEVES SER DESSAS .
E ELE APENAS TÁ A ACONSELHAR QUAIS AS MELHORES E PIORES ACOMPANHANTES DE ACORDO COM A EXPERIÊNCIA DE VIDA DELE

De Leoz a 20.03.2015 às 01:30

Concordo plenamente contigo Anonimo.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2013

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930





Flag Counter

Visitantes Online